Cêra Dr. Lustosa - Anos 20

Propaganda da Cêra do Dr. Lustosa nos anos 20. O produto aliviava dores e incômodos da dor nos dentes.Bem antes da proliferação de planos odontológicos e analgésicos acessíveis, muitos brasileiros de baixa renda recorriam à Cêra Dr. Lustosa para aliviar as dores de dente. O produto foi criado no início da década de 1920 pelo dentista Paulo de Almeida Lustosa. 


A ideia ocorreu ao doutor durante visitas a comunidades carentes nos arredores de sua cidade natal, São João del-Rei (MG). Depois de muita pesquisa, chegou a um medicamento pastoso à base de lidocaína, cera virgem de abelha, óleo de cravo e ácido fênico (bactericida). 


A embalagem do produto, em que se destacava o desenho de um homem chorando de dor, manteve-se com visual praticamente inalterado por quase noventa anos. 


Em 2009, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ordenou a retirada da Cêra do mercado, devido à alta concentração de fenol em sua fórmula. À ocasião, porém, já não eram poucas as opções de medicamentos bons e baratos para os pobres mitigarem a agonia com os efeitos da cárie.


Fonte: Almanaque

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...