A Publicidade é um Mal para Sociedade?

Artigo que analisa o papel da publicidade na sociedade moderna.

por Patric Pablo Cardoso *

Vivo em uma época com pensamentos muito distintos das décadas passadas. Nesse terceiro semestre estudando Publicidade e Propaganda, já é possível notar a diferença no meu modo de pensar que mudou radicalmente depois do início do curso. O fato é que a Publicidade contribui até hoje nesse processo de ''alienação'' da sociedade, pois a mesma estimula o consumo que é um dos grandes problemas enfrentados pelo nosso corpo massivo atual. A questão é: porque vender um produto ou serviço que sabemos que não é real, e que não passa de estratégias de marketing extramente bem elaboradas para encetar o desejo e a necessidade de compra desse produto no público-alvo? Afinal, se analisarmos com mais atenção, o Publicitário é o profissional responsável por grande parte do consumismo da população e também da alienação das massas.

A falta de conhecimento sobre os acontecimentos sociais, ausência de um questionamento, crítica, a falta de retórica, são processos que caracterizam a questão de alienação. Levando em consideração as propagandas que vejo na atualidade, a maioria é de caráter negativo, pois induzem ao consumo, falta de conhecimento, manipulação, e etc., poucas são educativas e com benefício para sociedade. Vale ressaltar que, a Publicidade também é responsável por padrões de comportamentos, embora, também é válido citar que infelizmente o governo brasileiro nunca forneceu educação de qualidade para que o cidadão tenha estrutura para refletir e conseguir elaborar uma linha de raciocínio significativa que o leve a pensar e fazer tais questionamentos sobre as coisas que o cercam. De modo geral, a Publicidade está presente em diversos veículos de comunicação e deveria usar de sua persuasão para construir algo mais qualitativo para população, mas é claro que atribuir a Publicidade como um todo a culpada por comportamentos ''errôneos'' não parece o correto, pois o comodismo é uma características presente no indivíduo brasileiro, então, o mesmo deve agir e procurar saber, se informar sobre as coisas. 

Acredito que o andar da carruagem ainda possa ser mudado, esse texto não foi em si uma crítica e sim uma maneira de enxergar o outro lado da parede. Penso que o publicitário pode e tem o poder de reorganizar e mudar por completo a situação das massas atuais, basta querer!

* Artigo de Patric Pablo Cardoso, 18 anos, estudante de Publicidade e Propaganda (3º semestre). Taboão da Serra - SP.

Quer ver seu artigo aqui também? Clique aqui!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...