Perdidos na Noite - Abertura e história

Abertura e história do Programa Perdidos na Noite (Band)
Perdidos na Noite foi um programa apresentado por Fausto Silva, vindo do reconhecimento como repórter de campo em jogos de futebol e do sucesso como apresentador do programa de rádio Balancê. Estreou em rede nacional pela Rede Gazeta, em 1984, gravado no antigo Teatro Brigadeiro (atual Teatro Abril), dentro do longo espaço noturno ocupado pelo Programa Goulart de Andrade (que também serviu de abrigo, no mesmo período, para as criações da produtora Olhar Eletrônico). 

Confira a abertura do programa:


O nome foi inspirado no filme norte-americano de 1968, Midnight Cowboy, que, no Brasil, também é conhecido como "Perdidos na Noite". O programa contava também com as imitações da dupla Carlos Roberto (o "Escova") e Nelson Alexandre (o "Tatá"). Em setembro de 1984, foi transferido para a TV Record, no antigo Teatro Záccaro e, no dia 16 de abril de 1986, passou a ser exibido em rede nacional pela Rede Bandeirantes, Também no antigo Teatro Záccaro. 

O Perdidos na Noite contava com uma produção, de início, bastante precária, mas passou a chamar a atenção por, justamente, se utilizar de maneira criativa dessa precariedade. O programa era marcado pela irreverência e pelo humor muitas vezes chulo e politicamente incorreto do apresentador Fausto Silva, que não se furtava em falar palavrões no ar, em tratar rispidamente os convidados e membros da plateia (que igualmente colaboravam com o show ao escreverem cartazes nos mesmos moldes irreverentes), e em, num período de plena abertura política, referir-se de maneira cáustica a personalidades como o então presidente José Sarney e o à época prefeito de São Paulo Jânio Quadros (que chegou mesmo a ameaçar processar a produção do programa, por uma piada de Faustão que associava sua suposta senilidade irreversível com a possibilidade de descoberta da cura da AIDS). 


Curiosidades do Programa:

  • Na época da TV Record (seu início), o tema de abertura era ‘’Ghostbusters’’ música do filme ‘’Os Caça-Fantasmas’’, interpretada por Ray Parker JR. Depois, na TV Bandeirantes, a mais famosa: ‘’Tarzan Boy’’, Baltimora, mais lembrada pela galera;
  • O perfil do público que assistia ao programa era essencialmente masculino, o que garantia bons índices de audiência nas noites de sábado;
  • Cenas inusitadas aconteciam no decorrer da atração: tropeços em cabos, funcionários passando em frente às câmeras, falhas técnicas de som e imagem, os chamados ‘’acidentes de percurso’’, fora as chamadas de atenção do apresentador, com muito sarro, bom-humor e ironia;
  • Paralelamente, Fausto Silva ganha outra atração na casa (Bandeirantes): o programa Safenados e Safadinhos;
  • Terminava com essa frase de encerramento, sempre comum, por aqui, incomum: ''Qualquer semelhança com fatos, acontecimentos ou pessoas reais NÃO é mera coincidência'';
  • Dizem que nessa época, o Faustão era engraçado e deixava os convidados falarem e que hoje, ele se tornou ‘’um chato’’ e ganhou a fama de ‘’não deixá-los falar’’. 
  • Como tudo o que é bom dura pouco, em 1989, Fausto Silva assina um contrato com a TV Globo e resto da história, vocês sabem: fim do ‘’Perdidos na Noite’’, nos tornamos órfãos de um programa que até hoje, é considerado ‘’Cult’’ e politicamente incorreto.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...