Guaraná Antártica (Fortificante) - 1921

“Tonico dos velhos e tonico dos moços. Bebida dos sãos e bebida dos convalescentes. Formula do eminente Chimico, Professor PEDRO BAPTISTA DE ANDRADE, analysada pelo Laboratorio do Estado e approvada pelo Serviço Sanitario.” 

Esse é um trecho de um reclame que circulava nos jornais do Brasil em 1921, anunciando a chegada ao mercado de um novo elixir, de superioridade patente por ser formulado com guaraná, pacová e fermiato de sódio. O remédio, anunciado pela Companhia Antarctica Paulista, era o Guaraná Champagne, “a última novidade em bebida sem álcool” – ou um mero refrigerante, como o produto mais tarde se consagraria.

Antiga propaganda do Guaraná Antártica de 1921 onde o refrigerante era apresentado como fortificante.

Fonte: Almanaque

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...