Propaganda subliminar para a nova geração

Artigo que analisa a suposta propaganda subliminar na grafia da novela Geração Brasil da Rede Globo.

No ínicio deste mês uma polêmica repercutiu nas redes sociais: a propaganda subliminar na abertura da novela Geração Brasil.

O logo da novela, que mistura letra com números (G3R4Ç4O BR4S1L) foi o pivô desta discussão. Para alguns, a grafia usada pela emissora remete aos números do PSB (40) e PSDB (45). (¹)

Em ano eleitoral ninguém quer correr o risco de sair no prejuízo ao perder espaço na TV, ainda mais na líder em audiência.

A Rede Globo negou a existência de mensagem subliminar e explicou que a grafia foi inspirada na linguagem codificada dos hackers. O chamado alfabeto “Leet”, ou “L33t”, é baseado na substituição de letras por símbolos e números para formar uma linguagem usada por hackers e usuários de jogos, e se popularizou por diversas pessoas para se comunicarem online.

Não é de hoje, que mensagens subliminares são motivos de críticas. 
No ano passado, o SBT investiu pesado na propaganda subliminar dos produtos da marca Jequiti. Mesmo com a aprovação do CONAR, a ideia acabou irritando seus telespectadores. (²)

No caso de Geração Brasil, o assunto ainda rende debate na rede. Com uma geração sempre conectada, ocultar informação e passar despercebido fica mais difícil.

Mas vale lembrar também, que no ano de 1989 (na volta das eleições diretas para presidente) surgiu na televisão um Salvador da Pátria que nenhum petista questionou. (³)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...